Uma das principais funcionalidades do sistema Moblix é a nossa poderosa API de busca de passagens aéreas com milhas, que permite que as agências de viagens multipliquem os seus lucros, encontrando sempre a melhor passagem. Neste artigo, vamos falar um pouco sobre como funciona esse mercado de compra e venda de milhas aéreas.

O mercado dos programas de fidelidade

Através dos programas de fidelidade, as empresas encontram uma forma de organizar o consumo de forma inteligente. Em trocas de pontos em um programa, o consumidor comprará sempre com o mesmo cartão e viajará apenas pela companhia aérea que oferece o benefício. A ideia é simples: quanto mais você comprar, mais milhas (ou pontos) irá acumular.

Esses programas, como a Multiplus, Smiles, Amigo, Tudo Azul e etc, garantem a fidelização de seus clientes. 

Acumular milhas nos programas de fidelidade pode garantir viagens gratuitas ou, no mínimo, com um bom desconto. Mas vale lembrar que, na maioria desses programas, os pontos acumulados têm um prazo de validade e podem expiar antes do período em que você pode utilizá-los. A saída para não perder o que foi acumulado é vender as milhas.

Atualmente, existem dezenas de empresas no Brasil que compram milhas e vendem passagens emitidas com elas. Mas vale um alerta: antes de negociar seus pontos, pesquise tudo o que puder sobre a empresa escolhida. Dentre as opções que encontrar, procure fechar a venda com uma das que têm mais anos de atuação no mercado, com CNPJ registrado e endereço e telefone fixo de contato.

Como vender suas milhas aéreas

Para vender as milhas que você acumulou, é necessário passar seguir alguns passos:

– Ter uma quantidade mínima de milhas acumuladas, como, por exemplo, cinco mil milhas;
– Fazer a cotação das milhas que serão vendidas, que será feita de acordo com a oferta e demanda, como em outras transações cambiais. Ou seja, os valores são flutuantes. Procure sempre a melhor cotação, e, claro, em sites confiáveis;
– Se estiver de acordo com a cotação negociada, você receberá o pagamento referente à quantidade final vendida, geralmente em até 30 dias da data negociada;
– Vale um alerta: procure sempre sites confiáveis. Você terá que enviar seus dados para o resgate das milhas, para que a empresa possa fazer a emissão de passagens aéreas.

Posso comprar milhas aéreas?

Geralmente, não se compra milhas aéreas de terceiros. O comum é comprar uma passagem aérea, que foi emitida com milhas. Isso porque os programas de fidelidade, quando permitem, cobram taxas altíssimas para fazer a transferências dos pontos entre as contas, o que acaba por inviabilizar essa transferência.

Nesse ponto, é necessário uma cautela. É comum um tipo de golpe no mercado, em que o cliente compra uma passagem de um vendedor sem referências. Para receber o pagamento ele até emite a passagem e encaminha o bilhete para o cliente. Entretanto, em seguida ele faz o cancelamento do bilhete e o cliente acaba ficando no prejuízo.

Por isso, se for comprar uma passagem aérea emitida com milhas, recomendamos que a compra seja feita em sites seguros, de empresas bem estabelecidas no mercado. Uma delas que que está há bastante tempo no mercado é a litemilhas.com. A Lite Milhas está no mercado há vários anos, e é reconhecida por ser uma empresa confiável.

Vale a pena?

Negociar as milhas aéreas acumuladas, principalmente as que estão prestes a vencer, pode ser um bom negócio para ambas as partes. Para quem quer vender, no caso de a validade estar próxima de expirar, é possível ganhar uma grana extra e não perder as vantagens do seu programa de fidelidade.

Para quem quer comprar pode ser a grande chance de conseguir passagens aéreas com preços melhores, aliviando o orçamento da viagem.

Contudo, é indispensável verificar, primeiro, se compensa comprar as milhas diretamente ou fazer a busca das passagens por um site que opera com milhas aéreas. Para isso, pesquise os preços das passagens nos sites das companhias aéreas e dos portais que vendem por milhas.

O que não pode, de jeito nenhum, é perder as milhas porque elas vão sair da validade. Esse é um direito conquistado pelo uso dos programas de fidelidade, e não um presente da bandeira do cartão. Deixar que elas expirem é, literalmente, jogar dinheiro fora. E, como hoje em dia não é nada difícil vender milhas, essa é uma forma de fazer uma renda extra com algo que não vai ser utilizado por você.

O mercado nesse segmento cresce muito e pode ser uma ótima opção, principalmente se você contar com a gente para emitir passagens aéreas mais baratas através da compra de milhas. Se tiver gostado das dicas, repasse o texto para quem você achar que também pode gostar dele.

E, se tiver alguma dúvida sobre o mercado de compra e venda de milhas aéreas, deixe um comentário no post. Responderemos assim que possível!Nenhum comentário ainda! Você será o primeiro a comentar. 

Para conhecer outros recursos do sistema Moblix, visite: http://moblix.com.br.

 

Leave a Reply